Reze
Conosco

Acompanhe a Liturgia Diária e faça seu Pedido de Oração.

Dezembro, 2019

Liturgia
Diária

Dia 20 – SEXTA-FEIRA
3ª SEMANA DO ADVENTO
(roxo, pref. do Advento II ou IIA, pág. ?? – ofício do dia)
Um ramo brotará da raiz de Jessé; a glória do Senhor encherá a terra inteira, e toda criatura verá a salvação de Deus (Is 11,1; 40,5; Lc 3,6).
A exemplo das mulheres que não temem se pôr à escuta e à disposição dos planos de Deus, saibamos acolher, com alegria e devoção, aquele que veio por meio do sim de Maria.

Primeira Leitura: Isaías 7,10-14

Leitura do livro do profeta Isaías – Naqueles dias, 10o Senhor falou com Acaz, dizendo: 11“Pede ao Senhor teu Deus que te faça ver um sinal, quer provenha da profundeza da terra, quer venha das alturas do céu”. 12Mas Acaz respondeu: “Não pedirei nem tentarei o Senhor”. 13Disse o profeta: “Ouvi, então, vós, casa de Davi: será que achais pouco incomodar os homens e passais a incomodar até o meu Deus? 14Pois bem, o próprio Senhor vos dará um sinal. Eis que uma virgem conceberá e dará à luz um filho e lhe porá o nome de Emanuel”. – Palavra do Senhor.

Salmo Responsorial: 23(24)

O Senhor vai entrar, é o rei glorioso!
1. Ao Senhor pertence a terra e o que ela encerra, / o mundo inteiro com os seres que o povoam; / porque ele a tornou firme sobre os mares / e, sobre as águas, a mantém inabalável. – R.
2. “Quem subirá até o monte do Senhor, / quem ficará em sua santa habitação?” / “Quem tem mãos puras e inocente coração, / quem não dirige sua mente para o crime. – R.
3. Sobre este desce a bênção do Senhor / e a recompensa de seu Deus e salvador.” / “É assim a geração dos que o procuram / e do Deus de Israel buscam a face.” – R.

Evangelho: Lucas 1,26-38

Aleluia, aleluia, aleluia.
Ó chave de Davi, que abre as portas do reino eterno: / oh, vinde e livrai do cárcere o preso, sentado nas trevas! – R.
Proclamação do evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas – 26No sexto mês, o anjo Gabriel foi enviado por Deus a uma cidade da Galileia, chamada Nazaré, 27a uma virgem, prometida em casamento a um homem chamado José. Ele era descendente de Davi, e o nome da virgem era Maria. 28O anjo entrou onde ela estava e disse: “Alegra-te, cheia de graça, o Senhor está contigo!” 29Maria ficou perturbada com essas palavras e começou a pensar qual seria o significado da saudação. 30O anjo, então, disse-lhe: “Não tenhas medo, Maria, porque encontraste graça diante de Deus. 31Eis que conceberás e darás à luz um filho, a quem porás o nome de Jesus. 32Ele será grande, será chamado Filho do Altíssimo, e o Senhor Deus lhe dará o trono de seu pai Davi. 33Ele reinará para sempre sobre os descendentes de Jacó, e o seu reino não terá fim”. 34Maria perguntou ao anjo: “Como acontecerá isso se eu não conheço homem algum?” 35O anjo respondeu: “O Espírito virá sobre ti, e o poder do Altíssimo te cobrirá com sua sombra. Por isso, o menino que vai nascer será chamado santo, Filho de Deus. 36Também Isabel, tua parenta, concebeu um filho na velhice. Este já é o sexto mês daquela que era considerada estéril, 37porque para Deus nada é impossível”. 38Maria, então, disse: “Eis aqui a serva do Senhor; faça-se em mim segundo a tua palavra!” E o anjo retirou-se. – Palavra da salvação.

Reflexão:

Deus não atropela os fatos nem revela tudo de uma só vez. Agora o endereço é Nazaré da Galileia. O nome da jovem é Maria, prometida em casamento a um homem chamado José. O anjo do Senhor entra na casa de Maria. Encontra ambiente acolhedor para a mensagem é de extrema importância: trata-se de dizer a Maria que ela foi escolhida por Deus para ser a mãe de Jesus, o “Filho do Altíssimo”. A saudação deixa Maria um tanto confusa, e ela busca esclarecimento, que o anjo dá: “O Espírito Santo virá sobre você, e o poder do Altíssimo a cobrirá com sua sombra…”. A adesão de Maria se manifesta por uma expressão que revela sua entrega total à iniciativa e ação salvadora de Deus: “Faça-se em mim como você me disse”.

(Dia a dia com o Evangelho 2019 - Pe. Luiz Miguel Duarte, ssp)

 

Fonte: Paulus